sábado, 25 de outubro de 2008

O catolicismo está no âmago das grandes questões mundiais

700.000 jovens peregrinos a Lujan
No Japão o novo premiê conservador Taro Aso é católico. De nobre estirpe, é tido como “falcão”, morou no Brasil e fala o português.

Na Grã Bretanha, o Partido Trabalhista (socialista) anunciou projeto que permitiria a um católico ser rei visando lucros eleitoreiros. Na atual legislação um rei católico é sanhudamente proibido.

Na Índia, os fundamentalistas hindus estão fora de si diante do crescimento do catolicismo e martirizam incontáveis católicos.

Nos EUA, a recusa da comunhão aos católicos abortistas repercute a fundo na sorte dos candidatos.

Na Argentina, mais de 800.000 fiéis foram a San Nicolás pelo 25º aniversário das aparições atribuídas a Nossa Senhora do Rosário e centenas de milhares de jovens foram a pé até a padroeira Nossa Senhora de Luján [foto] na semana da sua festa. A mídia local concluiu que o laicismo não tem mais vez no país.

Todos estes são sinais incipientes de que o futuro será genuína e intensamente católico, como Nossa Senhora prometeu em Fátima.

Quero receber atualizações instantâneas e gratuitas no meu email

Um comentário:

  1. Afinal os grandes valores cristãos estão a voltar... Parece que as "mentes modernas" está a cansar a Sociedade...
    Abraço,
    Olga

    ResponderExcluir

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.