sábado, 28 de julho de 2007

Após 70 anos de espera, católicos recebem sacramentos

Vinte e dois católicos do Azerbaijão receberam os sacramentos do Batismo e/ou da Confirmação, após suportar 70 anos de perseguição comunista, esperando que um sacerdote lhes proporcionasse a recepção de sacramentos. O catolicismo foi varrido daquele país pelo socialismo soviético. A catedral da Imaculada Conceição, na capital Baku, foi demolida. Os sacerdotes foram mortos, e os católicos não podiam usar nomes cristãos. Mas perseveravam na clandestinidade, sem contar com um padre sequer que os sustentasse. O Núncio Apostólico no país, Claudio Gugerotti, que lhes ministrou os sacramentos, comentou: “Lia-se em seus rostos as palavras do velho Simeão: ‘Agora, Senhor, podes levar teu servo em paz’” (Lc 2,2).

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Obrigado pelo comentário! Escreva sempre. Este blog se reserva o direito de moderação dos comentários de acordo com sua idoneidade e teor. Este blog não faz seus necessariamente os comentários e opiniões dos comentaristas. Não serão publicados comentários que contenham linguagem vulgar ou desrespeitosa.